Entrevista legendada com Gary Mckinnon, o hacker que invadiu sistemas da NASA

Compartilhe nas suas redes sociais!

Ela viu milhares de fotos de ovnis, lista de agentes ‘não humanos’ e naves espaciais americanas tipo guerra nas estrelas.
Richard Hall entrevista o hacker e especialista em informática Gary Mckinnon, que entre 2001 e 2002 invadiu , simplesmente, computadores da NASA, Exército e Marinha dos EUA, além do Pentágono.
Gary desde criança se interessou por astronomia e tudo relacionado a vida fora da terra e teve seu interesse despertado, ainda mais, em tentar obter informações sigilosas sobre OVNIs, após a conferência Cosmic Disclosure, em 2001.
Nela se apresentou Donna Hare, especialista em análise fotográfica do Centro Espacial Johnson, da Nasa, a qual relatou que imagens captadas por satélites das agência em que apareciam OVNIs estavam sendo apagadas, já que eram flagrantes comuns dentro da nasa. Hare viu no prédio 8 do centro espacial, uma foto de um disco voador branco.
Mckinnon invadiu os computadores do prédio 8 do Centro Espacial Johnson e viu uma foto em alta resolução de um OVNI em forma de charuto. Ao invadir computadores da Marinha dos EUA, Gary viu uma planilha em Excel contendo os nomes e patentes de 25 oficiais não terrestres, além de nomes de naves.
Gary enfrentou por consequência disso 11 anos de uma árdua batalha judicial em que autoridades americanas queriam sua extradição para os EUA. Por fim, o hacker fala de suas opiniões sobre o projeto Apollo e também sobre energia livre.



NOSSO GRUPO NO WHATSAPP! Entre aqui!

Participe dos debates nos grupos!

Compartilhe nas suas redes sociais!